Lazer

0
0
0
s2sdefault

 

Moradores do Bairro da Paz foram beneficiados com a entrega da nova Praça do Popular, localizada na Rua da Resistência. O equipamento foi entregue na noite da terça-feira (26) pelo prefeito Bruno Reis, que esteve acompanhado pelo titular da Secretaria de Manutenção (Seman), Luciano Sandes, e pelo presidente da Companhia de Desenvolvimento Urbano (Desal), Virgílio Daltro.

O espaço, que antes era uma área subutilizada e sem atrativos, foi requalificado e passa a proporcionar diversão gratuita para as famílias que residem nas comunidades do entorno. Com investimento de R$130 mil, a praça possui 437 m² de área, com atrativos para todos os públicos.

“Houve uma grande diferença quando comparamos o antes com o agora. Este local era abandonado, o mato tomava conta e os mobiliários que existiam estavam deteriorados. Com essa nova estrutura, as crianças vão poder curtir uma série de brinquedos. A galera mais velha poderá realizar atividade física para manter a forma. Quem gosta de dominó, dama, baralho também passa a ter espaço para jogar” destacou o prefeito Bruno Reis.

Atrativos – Para as crianças, por exemplo, há um parque infantil com gangorras, Casa do Tarzan, escorregador, balanço e amarelinha. Além disso, a praça abriga uma academia de saúde com simuladores de esqui individual, de cavalaria simples, de remo e de giro vertical triplo. Ideais para quem deseja praticar alongamentos e exercícios de baixa intensidade.

A intervenção também priorizou itens de acessibilidade, permitindo que pessoas com dificuldade de locomoção possam desfrutar do ambiente sem transtornos. Foram colocados, portanto, piso tátil e rampas para cadeirantes.

Já a iluminação foi modernizada com refletores em LED, o que proporcionou mais eficiência e economia energética. O espaço dispõe ainda de 165 m² de área verde com plantio de gramado e árvores de médio porte.

Satisfação – A nova Praça do Popular agradou moradores do bairro como a atendente de caixa Valcir Pereira, 51 anos. Ela contou que a região carecia de um espaço público de lazer e que pretende frequentá-lo pelo menos um dia na semana. “Sempre quando puder, virei aqui passar um tempo com meu neto. Tem brinquedos para ele se esbaldar à vontade. Para mim, que gosto de caminhar, vou procurar reforçar as atividades físicas usando a academia”.

Para o pedreiro Régis dos Santos, 49 anos, o espaço requalificado passa a trazer uma nova dinâmica para o Bairro da Paz: “É um equipamento que vem para proporcionar mais ocupação e movimento. As famílias vão poder se divertir sem precisar se deslocar para outro ponto da cidade”, afirmou.

Contenção – Na ocasião, o gestor municipal autorizou o início de mais uma intervenção no Bairro da Paz. A localidade será beneficiada com uma contenção de encosta que será construída na Travessa Manoel Devoto. O investimento será de R$223 mil. “Nesse período que antecede as chuvas tomamos decisões para proteger a população. A estimativa é que esta obra dure 90 dias para ser concluída”, assegurou Bruno Reis.

Balanço – Desde 2013, mais de 450 praças foram construídas ou requalificadas pela Prefeitura na capital baiana – outros 155 equipamentos estão em obras.  De acordo com a Desal, pelo menos 80% das praças entregues nos últimos oito anos estão em bairros carentes. 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Agendamento de visitantes para esta sexta (22) e sábado (23) já tem duas mil pessoas

A Lagoa dos Frades, agora mais conhecida como Lagoa dos Dinossauros, passou por uma ação de desinfecção na manhã desta quinta-feira (21). A iniciativa é promovida pelo Conjunto Comando Bahia, através de militares do Grupo de Resposta  Nuclear, Biológica, Química, e Radiológica (NBQR), com o propósito de proporcionar um ambiente mais seguro para circulação de pessoas.

A descontaminação ocorreu em todos os 16.470 m² do entorno da lagoa, incluindo os espaços de convivência, e foi reaberto normalmente às 12h para o público externo. Nesta ação, foi utilizado o quaternário de amônia, uma substância de alta eficiência desinfetante, que não prejudica a saúde humana e preserva as superfícies onde é aplicada. A medida garante proteção de até 60 dias contra a Covid-19 e outros agentes contaminantes.

A titular da Secretaria Municipal de Sustentabilidade e Resiliência (Secis), Edna França, aprovou a realização da descontaminação, considerando uma ação importante. Ela lembrou que, somente na semana passada, foram contabilizados oito mil visitantes na área. Também por conta do alto número, foi tomada a decisão de promover o agendamento da entrada no local às sextas e sábados, já a partir de amanhã (22).

Agendamento – A secretária da Secis reforçou que o agendamento foi necessário justamente em virtude do grande fluxo de visitantes. Mesmo em formato de experiência, ela acredita que é uma forma mais prudente de evitar aglomeração principalmente no acesso à lagoa, que vem formando grandes filas.

“Tomamos como base o Natal de 2020, e as pessoas que foram até lá acharam mais prudente fazer desta forma. O agendamento vai facilitar neste sentido de organizar e ordenar o acesso à Lagoa dos Dinossauros”, concluiu.

A visitação à Lagoa dos Dinossauros está condicionada ao agendamento apenas às sextas-feiras e sábados já a partir desta semana. Até o momento, de acordo com a Secis, já foram realizados aproximadamente dois mil agendamentos só para este final de semana. A reserva pode ser feita pelo site http://  lagoadosdinossauros . salvador . ba .gov .br/ e a duração máxima de permanência no parque é de 30 minutos.

Na página, o usuário precisa preencher o CPF e informar se fará a visita com crianças de até 12 anos, além de preencher uma ficha rápida com outros dados pessoais e de contato. O limite de pessoas simultâneas em cada horário é de 200, totalizando até 2,2 mil visitantes por dia.

Esse também é o limite de público simultâneo de segunda a quinta, só que, nesses dias, o controle de fluxo continua sendo feito sem agendamento, no próprio local, pela equipe da Secis. O trabalho da autarquia tem apoio da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) e da Guarda Civil Municipal (GCM).

“Promovemos o apoio constante na região da Lagoa dos Dinossauros. Atuamos com rondas frequentes no local, além de estarmos sempre em contato com os funcionários que atuam no parque", afirmou o gerente de Operações da GCM, Silva Gomes.

 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A primeira edição do Valsa Salvador está com as inscrições abertas até o dia 30 de janeiro. O festival on-line tem o intuito de atrair grupos de valsa da capital baiana para trazer a riqueza e energia da categoria de dança através dos jovens e adultos. A inscrição é gratuita e pode ser realizada através do link https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdvts6OY218Ow_bwZHGGSjI2tBydP7ZG8G9R_St_epQbJOY2g/viewform.

Para se inscrever, os grupos devem enviar um vídeo com duração de 1 a 3 minutos, com no mínimo dois bailarinos em uma das músicas que constam no regulamento do evento. Todos os grupos selecionados receberam um cachê por suas participações mais o prêmio em dinheiro e o troféu para os melhores do dia.

O projeto é um dos contemplados pelo Prêmio Anselmo Serrat de Linguagens Artísticas, da Fundação Gregório de Mattos (FGM), por meio da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc. O concurso virtual acontecerá no dia 11 de abril e terá transmissão ao vivo pelo canal oficial no YouTube do projeto. Além do concurso, haverá uma oficina de produção cultural para os dirigentes dos grupos de valsa.

“A categoria valsa de concursos já existe há mais de 20 anos. No entanto, essa é a primeira edição do Valsa Salvador trazendo consigo a versão virtual, por conta da pandemia. Temos como objetivo movimentar a categoria da valsa, fazendo com que os grupos que passaram o ano de 2020 parados se movimentem. Sendo assim, movimentarão também a arte e a cultura no meio jovem das periferias”, afirma uma das produtoras, Adrielle Couto.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Em função de uma ação de descontaminação que será realizada nesta quinta-feira (21) no parque da Lagoa dos Dinossauros, no Stiep, o novo espaço não irá abrir no período da manhã. A visitação funcionará de meio-dia até as 17h.

A ação, que será executada pela Comando Conjunto da Bahia, atende a uma solicitação da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult) e será acompanhada pela Secretaria Municipal de Sustentabilidade e Resiliência (Secis), que administra o parque. O objetivo da ação é reduzir a probabilidade de contaminação pelo coronavírus entre os visitantes que frequentam o equipamento.

O procedimento será executado em toda a área por um efetivo de 15 militares do Grupo de Resposta Nuclear, Biológica, Química, e Radiológica (NBQR), incluindo os 16.470 m² do entorno da lagoa e os espaços de convivência. No local, será utilizado o quaternário de amônia, uma substância de alta eficiência desinfetante, que não prejudica a saúde humana e preserva as superfícies onde é aplicada. A medida garante proteção de até 60 dias contra a Covid-19 e outros agentes contaminantes.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Aventura, lazer, bem-estar e diversão são os ingredientes perfeitos para aproveitar as experiências esportivas e atividades oferecidas pelo Parque dos Ventos, administrado pela Secretaria Municipal de Sustentabilidade e Resiliência (Secis), na Boca do Rio. Com 85 mil m² (equivalente a 12 campos de futebol), o equipamento oferece 14 opções de lazer e espaços esportivos, inclusive para atletas profissionais.

Além de diversos brinquedos e circuitos interativos para garantir a diversão da população de forma gratuita, o parque também tem opções para os amantes de atividades radicais, como rapel, escalada e parkur. Para Adson Rodrigues, membro e um dos fundadores da equipe de rapel Natrilha Adventure, o esporte é um dos principais atrativos de moradores e visitantes que passam pelo local.

“Nós somos seres sociáveis e que precisamos nos conectar com as pessoas e com o que gostamos. Logo, em um ambiente aberto como o Parque dos Ventos, a prática de esportes ao ar livre e, principalmente, o rapel, torna a experiência ainda mais segura. Temos uma diversidade de modalidades esportivas espalhadas por todo circuito do parque, que incentiva a prática da atividade física e é também bastante explorada pelos frequentadores”, conta.

“Esse é um espaço, assim como muitos outros criados e requalificados pela Prefeitura ao longo dos últimos oito anos, feito para receber a população de Salvador e, em especial, as famílias. Para quem gosta de esporte, então, o Parque dos Ventos é um dos melhores nesse quesito na cidade. São diversas opções de modalidades que podem ser utilizadas tanto por atletas profissionais quanto amadores, sempre lembrando dos protocolos de segurança contra a Covid-19”, reforça a secretária da Secis, Edna França.

Como aproveitar – Em razão da pandemia da Covid-19, o Parque dos Ventos está funcionando com horário reduzido: de segunda a sexta-feira, das 6h às 17h. O acesso segue os protocolos de segurança para prevenção do novo coronavírus, como aferição de temperatura e uso obrigatório de máscara em todos os espaços.

Frequentador assíduo do local, Rodrigo Jorge de Oliveira, de 38 anos, é micropigmentador capilar e natural de Curitiba. Morando há seis meses em Salvador, ele não esconde a paixão pela escalada e o espaço que descobriu na cidade. Ele afirma que o lugar o ajuda a aliviar a tensão do dia a dia e a saudade da família, assim como dá forças para enfrentar esse momento de distanciamento social.

“Além disso, me possibilita praticar esse esporte que amo. Na minha cidade, eu sou campeão de escalada e já ganhei até troféu em competições. Nunca imaginei que depois de ter sofrido várias fraturas na perna, eu pudesse um dia voltar praticar algum tipo de esporte novamente. Toda oportunidade que tenho, venho escalar. É sempre muito bom fazer algo que gostamos", declara.

Equipamento – Com investimento de R$10 milhões e projeto da Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF), o Parque dos Ventos foi construído pela Prefeitura para funcionar como um centro esportivo voltado tanto para atletas profissionais quanto amadores. O equipamento conta com uma estrutura de dez metros de altura para atividades de rapel e escalada, além de pista de skate street, cuja composição simula obstáculos de rua como escadarias, rampas e corrimões; ciclovia de três quilômetros; uma pump track – pista ciclística de circuito contínuo, com lombadas, morros de terra arredondados e curvas levemente inclinadas; e um local destinado exclusivamente à prática do parkour.

A estrutura também abriga parque infantil (inclusive com brinquedos adaptados para pessoas com deficiência), tabelas de basquete, quadra de vôlei, área para contemplação e piquenique, anfiteatro com capacidade entre 100 a 150 pessoas, quatro morrotes (pequenos morros) ligados por pontes de madeira laminada e estrutura metálica, escorregadeiras naturais, quiosques, sanitários e passeio para realização de caminhada com área para uso de patins. Isso sem falar no amplo estacionamento com 150 vagas, portaria e pequeno ambulatório.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Para informar e orientar a população sobre a situação dos equipamentos esportivos da Prefeitura, a Secretaria Municipal do Trabalho, Esportes e Lazer (Semtel) alerta que as unidades esportivas geridas pela pasta não estão com as atividades liberadas para o atendimento esportivo e recreativo do público. As determinações fazem parte dos protocolos geral e setorial para retomada das atividades na cidade e podem ser conferidos no site www.salvador.ba.gov.br/coronavirus .

Até momento, foram liberadas atividades esportivas coletivas apenas em áreas públicas, como praias e parques, e em campos e quadras em locais privados, como clubes e estabelecimentos de aluguel de quadras e campos. No caso da Arena Aquática Salvador, na Pituba, o retorno foi autorizado apenas para atletas de alto rendimento, seguindo os protocolos determinados pelas autoridades sanitárias.

Os espaços, como o Centro de Esportes e Artes Unificados (CEU) de Valéria, Complexo Tenístico da Boca do Rio, as unidades da Estação Cidadania em Itapuã e São Marcos, o Parque da Juventude e a unidade esportiva Calabar, não foram contemplados na ampliação.

Para informações e dúvidas, a Semtel disponibilizou um número de WhatsApp para contato, que é o (71) 99640-4742. Além disso, é possível entrar em contato também através do endereço de e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. e pelo Instagram @semtelsalvador .

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O bairro de Vila Ruy Barbosa, na Cidade Baixa, é a mais nova localidade que passa a ter área de lazer e convivência construída pela Prefeitura. A Praça da Travessa Almirante Barroso foi entregue na noite desta segunda-feira (16) pelo prefeito ACM Neto, ao lado do secretário Municipal de Manutenção (Seman), Virgílio Daltro, e do presidente da Companhia de Desenvolvimento Urbano de Salvador (Desal), Marcílio Bastos.

O prefeito destacou que, desde 2013, a Prefeitura já construiu, reformou ou requalificou cerca de 500 praças e outras 134 estão prontas ou em execução. "Estes espaços são construídos para ser um convite às pessoas a viverem a cidade, dando o direito também às crianças crescerem saudáveis junto com os vizinhos".

O chefe do Executivo municipal ainda aproveitou para fazer um pedido. "Por favor, ajudem a cuidar deste espaço que é de vocês", completou ACM Neto.

Moradores há mais 30 anos da localidade, a administradora Valdeci Barbosa, de 47 anos, e o aposentado Paulo Roberto Barbosa, de 55 anos, demonstraram felicidade pela realização de um desejo antigo da comunidade. "Antigamente aqui era um campo de barro, depois os moradores fizeram algo parecido com uma praça e, agora, temos realmente uma praça, uma área de lazer para crianças, adultos e idosos", disse Valdeci.                             

“O rico tem suas opções de lazer como piscina, playground, e a pessoa mais carente não tem. Então, essa área é pra dar essa oportunidade de lazer pra todos aqui”, disse Paulo Roberto.

Estrutura – O investimento foi de R$136 mil em uma área construída de 994 m² e 156m² de área verde projetada, com todos os equipamentos produzidos na fábrica da Desal, vinculada à Seman. Para a criançada, os atrativos são parque infantil com amarelinha, balanço e gangorra, além de Casa de Tarzan.

Os adultos e idosos podem aproveitar a academia de saúde ao ar livre, academia de musculação, espaços de jogos, jogos de mesa e quadra poliesportiva. A praça também possui bancos modulares antivandalismo, acessibilidade total com piso tátil e rampas, pavimentação, iluminação em LED, paisagismo e comunicação visual.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Com a proposta de apresentar a baianos e turistas novos nomes do cenário musical alternativo da capital baiana, o Viver Barra segue até o domingo (2) com uma programação recheada de shows. As apresentações acontecem das 15h às 21h, em frente ao Forte de Santa Maria, na Barra. O público pode apreciar pockets shows e performances de DJs que são realizadas nas aberturas e intervalos de cada dia. A iniciativa cultural é idealizada pela Prefeitura, através da Empresa Salvador Turismo (Saltur), e patrocinado pela Devassa.

“As noites de Salvador estão recheadas de novidades, de excelentes músicos e com um público muito fiel, artistas que merecem reconhecimento e precisam de espaços como o Viver Barra para estar mais perto dos soteropolitanos e turistas. Somos a Cidade da Música e precisamos saber o poder de nossa diversidade musical. Além disso, estamos com uma estrutura muito especial e garanto que vai ser impressionante”, ressalta o presidente da Saltur, Isaac Edington.

Nesta quarta-feira (29) se apresentam Telefunksoul, Cronista do Morro e Yuri Andrew. Nesta quinta-feira (30), os destaques são a apresentação conjunta de Mr. Armeng e Leandro Vitrola, além de Clariana e a apresentação também da dupla Ubunto e Ziminino. Para a sexta-feira (31), o Viver Barra contará com show de Leda Chaves e Aiace. No sábado (1°), será a vez de Keila e, no último dia (2), tocam para o público Ubunto, Manigga, Ziminino e um shows especial da cantora Márcia Castro.

Para a cantora Aiace, que participará do Viver Barra nesta sexta-feira (31), o evento é extremamente importante para os artistas de Salvador. “É um grande estímulo para nossa produção local. Esse festival é incrível, afinal temos um cenário musical que é plural, diversificado e pulsante. As expectativas do meu grupo são enormes porque vamos cantar em casa, com o público que dialoga com a nossa música. Tudo isso em uma estrutura legal que foi montada para nos acolher”, comenta.

No repertório do pocket show, com duração de 45 minutos, canções do seu primeiro trabalho solo, o álbum “Dentro Ali”, além de releituras de alguns clássicos da música baiana. “Separei com muito carinho canções que tem tudo a ver com o nosso verão, que combinam com a cara de nossa cidade”, diz a cantora.

Confira a programação:

29/01 (Quarta-feira)
15h - Yuri Andrew
16h30 - Telefunksoul
17h45 - Cronista do morro
18h30 - DJ Daniel Haaksman
19h - Yuri Andrew

30/01 (Quinta-feira)
15h - Patricktor4
16h 30 – Mr. Armeng + Leandro Vitrola
17h45 - Clariana
18h30 - Ubunto / Ziminino
19h - Patricktor4

31/01 (Sexta-feira)
15h - DJ Grace Kelly
16h30 - Leda Chaves
17h45 - Aiace
18h30 - Grace Kelly + Aiace
19h - DJ Grace Kelly

01/02 (Sábado)
15h - DJ Lucio K
16h30 - Keila
19h - DJ Lucio K

02/02 (Domingo)
15h - Dj Adrielle Batekoo
15h30 - Ubunto
17h30 - Manigga
18h30 - Ziminino
19h15 - Marcia Castro
20h30 - Dj Adrielle Batekoo

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

As luzes de natal na praça do Campo Grande se apagam no final da próxima segunda-feira (6), com o encerramento da programação natalina que durou 50 dias com apresentações e atrações diariamente. Cerca de 900 mil pessoas já passaram pelo local.

Ainda dá tempo de visitar o local e conferir os últimos dias da mega decoração montada pela Prefeitura. Neste final de semana, três atrações musicais se apresentarão gratuitamente no palco.

Nesta sexta (03), a partir das 18h, sobe ao palco a Banda Guardiões da Cidade, formada por oito guardas civis que dividiram suas funções institucionais com ensaios para levar o melhor da música ao público, indo do gospel ao axé, sertanejo e pagode.

Já no sábado (04), a Guarda Civil Municipal volta com o show dos Heróis da Guarda. Caracterizados, eles aninam e chamam atenção da criançada. No domingo (05), além da volta dos Guardiões da Cidade, o público poderá conferir também o grupo da Igreja Adventista do Lobato Hands In Praise, que fará uma performance musical em libras.

Inaugurado no dia 18 de novembro, a decoração natalina no Campo Grande despertou a atenção de milhares de soteropolitanos e turistas que lotaram o local todos os dias.

Na praça, o público pode visitar o globo de neve, a Vila Natalina com a Casa de Papai Noel e com 18 barraquinhas de artesanatos, artigos religiosos e gastronomia, além da árvore central de luzes dançantes em LED e a Catedral de Luz e Som, composta por 22 arcos e 20 mil metros de corda luminosa.

0
0
0
s2sdefault

Fale Conosco

O seu canal de comunicação com o nosso site. Caso tenha dúvidas, sugestões ou solicitações de serviços, por favor, mande mensagem que teremos prazer em respondê-la.

Enviando...